terça-feira, 20 de outubro de 2009

«Pare, Escute, Olhe»

«Pare, Escute, Olhe»

Jorge Pelicano

Portugal, 2009, 105’

Dezembro de 1991
Uma decisão política encerra metade da linha ferroviária do Tua, entre Bragança e Mirandela. 15 anos depois, essa sentença amputou o rumo do desenvolvimento, acentuou as assimetrias entre o litoral e o interior de Portugal. Agora, o comboio é ameaçado por uma barragem. Pare, Escute, Olhe é uma viagem através de um Portugal esquecido, vítima de promessas políticas oportunistas.



Muito bom! Todo o tipo de sentimentos me atingiram durante a sessão: Alegria, tristeza, revolta, solidão, amor, saudade...Estive a maior parte do tempo com lágrimas nos olhos, o que não é normal! Vão ver se passar no cinema! :)

Sem comentários:

Enviar um comentário