quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Dueto Catherine Wheel e Tanya Donelly

Dueto do grupo Catherine Wheel e Tonya Donelly (Throwing Muses, The Breeders e Belly). Musica do álbum «Happy Days» de 1995, dos Catherine Wheel.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Unreleased II

Segundo volume destas compilações denominadas «Unreleased», 12", LP, 1988.

Unreleased II

Tracklist:

01) Little Nemo - "My Eternal Friend" (1st Way)
02) Mary Goes Round - "The Nightmare"
03) Via Valvag - "Au Rythme Des Jours"
04) The Wait - "Moving In"
05) Kindergarten - "Machines'Co"
06) Asylum Party - "The Desert"
07) Wallenberg - "Someone's Changing (Helen Part 1)"
08) Neutral Project - "Enigmatic Dream"
09) Close Cover - "The Bomb"
10) Les Tétines Noires - "Marônium"

Fonte: Blog Dream and Voices


Fica um vídeo da musica, "Au Rythme Des Jours" , presente nesta compilação, da banda Via Valvag. Não consegui saber nada sobre a banda mas esta musica está muito boa!




Les Tétines Noires

Emmanuel Hubaut ou Comte d'Eldorado e William Lamy ou Goliam foram os fundadores da banda Les Tétines Noires aos 13 anos de idade em 1981. Em 1990, acompanhados por Marcus no baixo gravaram o 1º álbum «Fauvisme et pense-bête». Após o seu 2º álbum, em 1992, Anthony Perez ou Entonie, torna-se o novo baixista.

Discografia:

«Fase 1990 / Freaks» (SP), 1990
«Fauvisme Et Pense-Bête» (LP, Album), 1990
«Streap Teac» (SP), 1990
«Brouettes» (CD, Album), 1991
«Epidemik Pakotill» (EP), 1991
«12 Têtes Mortes» (CD), 1995

Fonte: Lastfm, Blog Mood Swings

Close Cover

Ville d'Avray, França

Membros:

Hervé Guillou (guitarra; Baixo e voz),
Arnaud Steinbinder (bateria),
Stéphane Boutron (teclas).

Entraram na compilação «Unreleased II» de 1988. Foi o pouco que consegui saber sobre esta banda.

Fonte

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Réseau D'Ombres

Laval, França

Membros :

Ernst (voz e teclas),
Jean-marc (baixo),
Karl (bateria).

Réseau D'Ombres nasceram em 1983 em Laval, França. Na base do projecto está Pierre-Louis Lamballais ou Ernest, o elemento fundador, que recrutou depois os restantes 2 elementos. Dois irmãos, Jean-Marc e Karl. Os Réseau D'Ombres lançaram bastantes K7 e dois álbuns.

Discografia:

«Mirrors», (1984), SP
«Abracaz», (1984), K7
«Eliotropium», (1984), K7
«Ireos», (1984), K7
«Anormalie», (1985), K7
«Instant», (1985), SP
«Sotcha», (1985), LP
«The Locket», (1986), K7
«Axe», (1987), MAXI
«Faction», (1987), LP

Fonte e mais informações:
Site French New Wave, Blog The Thing On The Doorstep, Blog Dream and Voices, Blog Different Illusion


domingo, 21 de fevereiro de 2010

Ecos da Cave

Santo Tirso, Portugal.

1987-1995

Membros:

Carlos Lima (guitarra e harmónica),
Armindo (baixo),
Francisco (guitarra),
José Augusto Costa (bateria)
Alfredo (voz).

Em 1988 concorrem ao 5º Concurso do RRV onde chegam às meias-finais. O tema "Desejo" aparece na compilação "Registos" que incluí as oito bandas melhor classificadas . Alfredo sai do grupo em Setembro de 1989 Chico Zé (guitarra), Armando Lima (baixo), Carlos Lima (guitarra, teclas, harmónica, voz), Zé Costa (bateria, percussão) e Rafael (voz) gravaram o seu disco de estreia entre Fevereiro e Julho de 1991 nos estúdios Pinguim. O LP «As Papoilas do Campo Estéril», foi editado em Outubro de 1991 pela El Tatu. Temas do Lado A : "O Vôo da Gaivota na Praia Poluída", "Ariana", "Espírito Livre", "Belzebu" e "Dilema". Lado B: "Nocturnos", "4 Paredes", "Farrapo Humano" e "Odeio Amar-te".
Em 1992 participam na primeira edição das Noites Ritual Rock. Apresentam algumas composições em inglês e uma versão de um tema de José Afonso. Em 1993 foram cabeça de cartaz da primeira edição do Festival Paredes de Coura.
Em 1994, os Ecos da Cave gravaram nos Estúdios Avé Mania, com produção de Carlos Lima. O disco com o título provisório de "O Silêncio Extremo do Aborígena" iria incluir temas como "Com o Álcool", "Vejam Bem" (versão de José Afonso), "Drop Down Dead", "Grande Lua", "Corre Como Um Cão", "Nova Guerra", "Visão Utópica", "Parte P'ra Vida", "Velhote", "Defeitos Humanos" e "Nada". O grupo acabaria por terminar em 1995.

Os ECOS são uma banda que tem a sua origem nos Ecos da Cave onde ainda permanecem dois dos seus elementos.

Discografia:

«As Papoilas do Campo Estéril», (LP, El Tatu, 1991)

Colectâneas

«Registos», (1989) - "Desejo"

Fonte e mais informações



Myspace

Este post é uma homenagem a uma banda que ouvi bastante, até a K7 dar o berro. Infelizmente já não tenho o LP, nem consegui encontrá-lo.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Dueto Paulo Furtado e Cláudia Efe

Dueto com o Paulo Furtado (The Legendary Tigerman) e Claúdia Efe, do álbum «Femina» de 2009. Musica "Light Me Up Twice", vídeo filmado no Lux a 30 de Setembro de 2009.



«Femina»

Myspace

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Marquis de Sade

Rennes, França.

De 1977 a 1981

Membros iniciais:

Franck Darcel (guitarra, depois membro dos Octobre), Christian Dargelos (baixo e voz), Pierre Thomas (bateria, depois membro dos Marc Seberg).

Outros membros:

Philippe Pascal (voz; Ex Pentathal Lethally, depois membro dos Marc Seberg), Henri Abega (guitarra; Ex Apartheid Not), Eric Morinière (bateria; depois membro dos Octobre), Daniel Paboeuf (saxofone) e Serge Papail (baixo).
Fonte: lastfm, Blog Different Illusion

Discografia:

«Air Tight Cell» (7"), 1978
«Conrad Veidt» (7", Promo), 1979
«Dantzig Twist» (Album), 1979
«Rythmiques / White Light-White Heat», (7"), 1980
«Rue De Siam», (Album), 1981
«Wanda's Loving Boy», (7") , 1981
«Dantzig Twist / Rue De Siam», (2xLP, Album + 7" + Box), reedição em 1989
«Dantzig Twist», (CD), reedição em 1989
«Rue De Siam», (CD, LP) , reedição em 1989



Myspace

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Trisomie 21

Lille, França

Membros:

Philippe Lomprez (voz),

Hervé Lomprez (teclas, baixo).

Banda formada em 1980 por dois irmãos. Muito antes desta nova onda dark electrónica que está a crescer ultimamente, já eles tinham criando clássicos, como "Djakarta","The Last Song", "La Fête Triste", ou "Il Se Noie". Terminaram em 1998 mas passado 7 anos voltaram a reunir-se, sendo o seu último álbum «Black Label» de 2009.

Discografia:

«Le Repos Des Enfants Heureux», 1983
«Passions Divisées», 1984
«Wait & Dance»,12", 1985
«Chapter IV», 1986
«Joh'Burg»,12", 1986
«The Official Bootleg», 1987
«Shift Away»,12", 1987
«Million Lights - A Collection Of Songs», 1987
«Chapter IV Remixed - Le Je-Ne-Sais-Quoi Et Le Presque Rien», 1987
«Chapter IV & Wait And Dance Remixed», 1987
«The First Songs», 1988
«Work In Progress»,12", 1989
«Works», 1989
«T21 Plays The Pictures», 1989
«Final Work»,12", 1990
«Raw Material», 1990
«Side By Side», 1991
«Distant Voices», 1992
«The Songs By T21 Vol 1», 1994
«The Songs By T21 Vol 2», 1995
«Gohohako», 1997
«The Man Is A Mix - CD 1», 2004
«The Man Is A Mix - CD 2», 2004
«Happy Mystery Child», 2004
«The Woman Is A Mix - CD 1», 2006
«The Woman Is A Mix - CD 2», 2006
«Happy Mystery Club - CD 1», 2006
«Happy Mystery Club - CD 2», 2006
«25 Anniversary - Limited CD 1», 2007
«25 Anniversary - Limited CD 2», 2007
«Black Label», 2009

Fonte: Site Alfa-Matrix, Discogs, Blog Phoenix Hairpins ,Blog Barato Musical, Blog Under Connection, Blog Vox Insana, Blog La Oración De Las Cinzas, Blog Dark Records

Site Oficial

Myspace

Charles de Goal

Membros:

Etienne Lebourg (baixo),
Jean-Philippe Brouant (bateria),
Thierry Leray ou AE (sintetizadores, guitarra, programação); [também membros das bandas End Of Data e Raendom],
Patrick Blain ( voz e guitarra), [também membro das bandas Danse Macabre e C.O.M.A.].

Inicialmente começou como sendo um projecto a solo de Patrick Blain em 1979, pouco tempo depois da separação da sua antiga banda C.O.M.A. Charles De Goal assinaram inicialmente com a editora New Rose, uma das mais famosas editoras dos anos 80 em França. Lançaram 4 álbuns por esta editora. O seu 1º álbum «Algorythmes» de 1980, vendeu mais de 15000 exemplares e ainda hoje é considerado um álbum de culto nesse dessa altura.

Discografia:

«Algorythmes», (LP), 1980
«Radio On», ( SP), 1981
«Ici L'Ombre», (LP), 1982
«Technicolor», (SP), 1984
«3», (LP), 1985
«Dancing», (SP), 1986
«Double Face», (Duplo LP), 1986
«Commemoration 1984 - 1988», (LP) 1989
«État Général» (CD), 1997
«Algorythmes - Revolution», (CD), 2005
«Garage_Sessions», (2xCD), 2005
«3», (CD), 2007, Reedição
«Restructuration» (CD), 2008

Fonte: Site French New Wave, Blog Dual Track, Blog Isksp, Blog Life's a Bummer, Blog Rooms With Brittle Views, Blog Different Illusion



Myspace

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Jac Berrocal

Musico e compositor, nasceu em 1946 em Charente Maritime. Desde os anos 70 que é conhecido da cena musical avant-garde.

Discografia:

«Musiq Musik», 1973
«Parallèles», 1977
«Catalogue», 1979
«Hotel Hotel», 1986
«La Nuit Est Au Courant», 1991
«Fatal Encounters», 1993
«Jazz Off Multimedia», 1995
«Telectu-Cutler-Berrocal», 1995
«Oblique Sessions», 1997
«Flash», 1999
«Prière», 2004
«Marie Antoinette Is Not Dead», 2008
«Rock N' Roll Station», 2009

Fonte: Discogs, Blog Mutant Sounds, Blog Goat Germs, Blog Alice Rabbit



Myspace

Julee Cruise

Julee Cruise (nascida a 1 de Dezembro de 1956, Creston, Iowa) é uma cantora e actriz. Cruise gravou 3 álbuns, mas é principalmente conhecida, pela sua interpretação da canção “Falling”, tema da série televisiva de culto Twin Peaks, criada por David Lynch e Mark Frost.
Colaborou com o compositor Angelo Badalamenti, conhecido pelas bandas sonoras dos filmes de Lynch que produziu e escreveu as letras para a maior parte das músicas dela.

Discografia:

«Floating into the Night», (1989)
«The Voice of Love», (1993)
«The Art of Being a Girl», (2002)
«Fragment Seven (Les Fleurs)», 2007
«Fragment Two (The First Picture)», 2007

Fonte: Wikipedia, Blog Amor Louco, Blog Singers Saints, Discogs



Myspace

sábado, 13 de fevereiro de 2010

The Grief

Saint Malo, França

Membros: Jean-Louis Morgère, JPG, JYD e V V.

Formaram-se em 1984.

Discografia:

«La Boucherie Sera Fermée Mercredi Après-Midi Et Jeudi Toute La Journée», (1984)
«Les Panzers Mangent Du Gloubiboulga», (1984), K7
«The Grief», (1985), LP
«Svar», (1986), K7
«Huit clos», (1987), LP + Maxi
«S/T», (1987), K7
«Fear and desire», (1988), MAXI
«KYN», (1988), MAXI
«Che's talks», (1989), MAXI
«Kittystra quatre», (1989), LP
«Au-delà», (1990), CD
>«Fycazz on bananas», (1990), MAXI x2
«Daedalus», (1991), LP
«No-neck monsters», (1991), LP
«S/T», (1991), MINI CD
«Greatest Hits», (2005), CD x2
«Nonobstant le cagoulisme», (2005), CD

Fonte: Discogs, Blog Nostalgie De La Boue, Blog Misterioso Impossivel



Myspace

Zero Le Crêche

Reino Unido

Membros:

Andy Manning (voz),
Andy Mitchell (guitarra),
Terry Miles (baixo),
Richard Olley (bateria).

Banda formada nos anos 80. A musica mais conhecida deles e single foi “Last Years Wife”, que teve bastante reconhecimento na altura.
Quando estavam a ter alguma projecção na cena musical Manning abandonou a banda. Foi substituído por Jamie Lord. Mas a banda não era a mesma sem Manning e decidiram separar-se.

Fonte: Lastfm,Discogs, Blog Phoenix Hairpins, Blog Systems Of Romance, Blog The PostPunk 80's Underground

Discografia:

«Last Year's Wife», (12"), 1984
«Falling», (12"), 1985
«Last Year's Wife - The Collection», (CD), 2008



Myspace


quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Dueto David Bowie e NIN

Musica "Hurt" do álbum de 1994, «The Downward Spiral» dos Nine Inch Nails.
Foi gravada durante a digressão "Outside Tour" em 1995 nos USA.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Rosa Crux

Rouen, França

Fundada em 1984.

Membros:

Olivier Tarabo - (guitarra, voz),
Claude Feeny - (teclados, carrilhão),
Hugo Lafitte - (baixo),
Benjamin Canu - (gaita de foles),
Rosa Chordis - (vozes),
Bam - 8bateria e percussão),
Juliette Bates e Aurore Giffard - (performances teatrais).

A banda usa bastantes instrumentos ajustados e feitos por eles próprios. Como é o caso de uma bateria acústica tocada através de processo electromagnético programável. Chegaram a ganhar um premio de "Invenção de sons" em Paris, em 2001. Conseguem criar um estilo muito próprio, gótico à mistura com industrial baseado em metais, adicionando sempre elementos pós-punk e pagãos. As composições não são escritas pelo grupo, são cantadas ou baseadas em textos antigos e fórmulas esotéricas e místicas.
Os seus concertos têm actuações fora do normal com teatro, encenações de peças clássicas. Chegam a montar palcos que chegam a necessitar de 300 m2 como é o caso da chamada actuação "The Iron Games". Este espectaculo, inclui uma serie de invenções como relógios de agua, sinos, dançarinos cobertos de sensores de som, duplos baixos, etc...

Discografia:

«Jeux De Fers» (K7), 1986
«Ales Et Fèles» (12"), 1987
«Eli-Elo» (7"), 1990
«Danse De La Terre» (CD, Mini), 1992
«St. Ouen Les Profanations» (7"), 1992
«Performances» (7", Promo), 1994
«Jeux De Fers - Performances» (VHS, Ltd), 1995
«Proficere» (CD), 1995
«Noctes Insomnes» (CD, Enh), 1998
«In Tenebris» (CD, Enh), 2002
«Rosa Crux - Lux In Tenebris Lucet», 2008
«Lux In Tenebris Lucet» (DVD-V, Ltd), 2008
«Rosa Crvx Box» (CD, Album + 2xCD, Album, Enh + Box, Ltd), 2009



Site Oficial

Myspace

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Coldreams

Clermont-Ferrand, França.

Membros:

Elsa (voz),
Michel Marangi (guitarra),
Philip Stupienko (guitarra),
Leister Gifrer (baixo),
Ludwig Gardarin (bateria),
Philippe Roux (sintetizadores).

Pelo que consegui pesquisar só lançaram um single em 1986. Encontrei uma referência uma K7 posterior num blog mas não consegui confirmar essa informação.

Discografia:

«Morning rain», (1986) SP

1. Morning Rain
2. Eyes

Fonte: Site French New Wave, Blog Sounhead

Dueto David Bowie e Robert Smith

"The Last Thing You Should Do", 7ª musica do álbum «Earthling» de 1997 do David Bowie.

"What have you been
doing to yourself
It's the last thing you should do
Nobody laughs any more
It's the worst thing you can do
Save the last dance for me
Catch the last bus with me
Give the last kiss to me
It's the safest thing to do

Yeah!
Yeah!"